Subscribe Twitter Facebook

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Forma Canônica da Equação polinomial do Segundo grau

Segue abaixo a demonstração da forma canônica da equação polinomial do segundo grau. Foi dela que foram feitas todas as equações que trabalham com as equações do segundo grau.

$$ f(x) = ax^2 + bx + c= a(x^2 + \frac{bx}{a} + \frac{c}{a}) = $$
$$ = a[x^2 + \frac{bx}{a} + \frac{b^2}4a^2} - \frac{b^2}{4a^2} + \frac{c}{a}]= $$
$$ = a[(x^2 + \frac{bx}{a} + \frac{b^2}{4a^2}) - (\frac{b^2}{4a^2} - \frac{c}{a})] =$$
$$= a[(x + \frac{b}{2a})^2 - (\frac{b^2 - 4ac}{4a^2})]$$

Representando $$b^2 - 4ac$$ por $$ \Delta $$, também chamado discriminante do trinômio do segundo grau, temos a forma canônica:

$$ f(x) = a[(x + \frac{b}{2a})^2 - \frac{\Delta}{4a^2}$$


Leia mais em: O Baricentro da Mente
Fonte: Fundamentos da Matemática Elementar vol.1.

2 comentários:

carlos coelho disse...

Ao fazer outra leituras percebi que não é correto escrever forma canônica da equação polinomial.O certo é afirmar que obtemos a forma canônica da função polinomial do segundo grau.Pois, a forma canônica daa equação polinomial do segundo grau é ax2 + bx + c=o

Carlos alberto.

Clave de Pi disse...

Muito Interessante seu comentário